Vita Hábil - Soluções em Reabilitação

Artigo
A+ A-

19/03/2012

Uso da órtese em mão espastica

Avaliação do desempenho e da satisfação pessoal do paciente com mão espástica após o uso da órtese dorsal volar.

Comparou-se quantitativamente o desempenho e a satisfação do paciente com o uso da órtese dorsal volar para posicionamento da mão espástica. Foram analisados 30 pacientes que fizeram uso da órtese por 8 horas diárias, avaliados por meio da Medida Canadense de Desempenho Ocupacional e teste caixa e blocos, no intervalo de 3 meses. Foram selecionadas 5 atividades (entre as atividades de vida diária, produtivas e de lazer) pelos pacientes que estavam comprometidas pela espasticidade. Obteve-se melhora em relação ao desempenho após o uso da órtese, com média de 1,4±0,5 para 6,3±0,8 (p<0,01). Quanto à média da satisfação foi de 1,7±0,4 para 6,3±0,6 (p<0,01) com o uso da órtese. Nesta casuística, o uso da órtese de punho e dedos para espasticidade apresentou melhora no desempenho funcional e satisfação do paciente.

Fonte: Arq. Neuro-Psiquiatr. [online]. 2010, vol.68, n.3,
Autor: GARROS, D. dos S.C.; GAGLIARDI, R.J.; GUZZO, R.A.R
dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2010000300011.